Cabeçalho Portal Unipampa Página inicial Site Campus Alegrete Site Campus Caçapava do Sul Site Campus Bagé Site Campus Dom Pedrito Site Campus Itaqui Site Campus Jaguarão Site Campus Livramento Site Campus São Borja Site Campus São Gabriel Site Campus Uruguaiana


 


Uruguaios fronteiriços e indígenas aldeados têm oportunidade de ingresso específico na UNIPAMPA PDF Imprimir
Sex, 21 de Outubro de 2011 18:00
A Universidade Federal do Pampa está oferecendo oportunidades diferenciadas de ingresso para estudantes uruguaios fronteiriços e indígenas aldeados, em dois processos seletivos específicos a estes públicos. As inscrições para ambos os editais iniciam na próxima segunda-feira, 24, e vão até o dia 20 de novembro pelo portal www.unipampa.edu.br. A seleção será realizada, em ambos os casos, por meio de uma prova de redação em Língua Portuguesa a ser realizada no dia 27 de novembro. As inscrições são gratuitas.

Para o ingresso de indígenas aldeados, são ofertadas ao total 11 vagas, distribuídas nos cursos de Engenharia Civil (01) e Engenharia de Software (02) no Campus Alegrete; Agronomia (02) e Nutrição (02) no Campus Itaqui; Serviço Social (02) no Campus São Borja; Enfermagem (02) no Campus Uruguaiana. O processo seletivo específico e os cursos escolhidos surgiram de uma manifestação da comunidade indígena, e o atendimento a esta demanda com a oferta de vagas suplementares no processo seletivo específico fortalece as ações afirmativas praticadas pela Instituição. “Esta é uma oportunidade desafiadora para a UNIPAMPA, que mais uma vez inova no seu processo seletivo”, avalia o coordenador de Processo Seletivo, Carlos Dilli.

O processo seletivo para uruguaios fronteiriços é específico aos residentes nas cidades de Rio Branco e Rivera, no Uruguai, vizinhas das cidades de Jaguarão e Santana do Livramento, respectivamente. Para os candidatos de Rio Branco, são ofertadas vagas em todos os cursos do Campus Jaguarão: Gestão do Turismo (5 vagas); História (05); Letras – habilitação em Língua Portuguesa e Língua Espanhola – Integral (05); Letras – habilitação em Língua Portuguesa e Língua Espanhola – Noturno (05); Pedagogia (05). No Campus Santana do Livramento, os candidatos de Rivera podem concorrer a vagas nos cursos de Relações Internacionais (02), Administração – Noturno (02) e Administração – Matutino (02). A oferta de vagas nesta modalidade atende ao Decreto 5.105/2004, um acordo sobre a permissão de residência, estudo e trabalho a nacionais fronteiriços brasileiros e uruguaios.Os candidatos precisarão comprovar a residência nessas cidades, e serão aceitos para fim de inscrição e identificação a cédula de identidade ou o passaporte.

“O ingresso de fronteiriços favorece o intercâmbio entre os países e fortalece os laços da cultura e a troca de conhecimentos da comunidade discente”, comenta o coordenador acadêmico do Campus Jaguarão, Maurício Aires Vieira. Na avaliação do professor, a oportunidade de ofertar um curso aos uruguaios que vivem tão próximo aos campus da UNIPAMPA gera grande expectativa, assim como as ricas trocas culturais possíveis dessa convivência entre fronteiriços e estudantes de todo o Brasil que ingressam na UNIPAMPA pelo Enem.

“Com as novas formas de ingresso que a UNIPAMPA oferece poderemos abrir ainda mais espaço a todas as culturas e etnias”, afirma Carlos Dilli. O coordenador de Processo Seletivo explica que as vagas ofertadas nestes processos seletivos não concorrem com as demais vagas ofertadas para ingresso pelo Enem, por se tratarem de vagas suplementares destinadas a este ingresso em especial.

Prova de seleção

Para ambos os editais, os candidatos irão prestar uma prova de redação no dia 27 de novembro. A prova irá avaliar os conhecimentos adquiridos durante o Ensino Médio por meio dos aspectos leitura e interpretação textual; argumentação e dissertação; produção de textos. As provas tanto para fronteiriços quanto para indígenas iniciam às 14h, e o candidato deve apresentar-se com no mínimo 30 minutos de antecedência no local da prova portando o comprovante de inscrição, que deve ser impresso no ato da inscrição, e o documento de identidade utilizado na inscrição, que permita identificação por foto e conferência da assinatura.

Para o processo seletivo específico a indígenas aldeados a prova será aplicada no Campus Passo Fundo do Instituto Federal Sul-rio-grandense (Estrada Perimetral Leste, 150). A cidade foi escolhida por ser a mais próxima e de melhor acesso para os índios aldeados da região norte do Estado. As provas para os uruguaios fronteiriços serão aplicadas no campus para o qual o candidato se inscreveu, no Campus Jaguarão (Conselheiro Diana, 650 – Bairro Kennedy) ou no Campus Santana do Livramento (Barão do Triunfo, 1048 – Centro).

Aline Reinhardt para Assessoria de Comunicação Social

 


Av. General Osório, 900
Bagé, RS 96400-100
Fone Reitoria: (53) 3240-5400